Está em...
04 Dez 2014
Visitas: 1634
Print
Email

entrevista goncalo silvaO Gonçalo é umas das jovens promessas xadrezísticas, que ano após ano tem estado regularmente em jogo e na disputa dos títulos nacionais de jovens. Agora recentemente ficou em 2º lugar no CN Jovens Semi-Rápidas, no escalãoSub-16, o que augura um bom início de época. Atualmente a jogar no Sporting CP será mais um ano de aprendizagem mas tem de afirmação do seu talento e nós estaremos para acompanhar. Vamos conhecer um pouco dele.


1. Como começaste a jogar xadrez? Como te iniciaste na modalidade federada?
R: Comecei a jogar Xadrez aos quatro anos na Brincolândia, na altura era um infantário/clube no Barreiro onde praticava bastante desporto a nível nacional. Aos 5 anos participei no meu 1º Campeonato Nacional de Jovens, em Ofir, tendo obtido o 3º lugar quando nem sequer sabia escrever. Desde aí tento marcar sempre presença nos torneios mais importantes.

2. O que pensas da realidade do xadrez hoje em dia?
R: O Xadrez vive uma fase negra com o término de muitos torneios devido à crise que se sente em todo o mundo, mas por outro lado considero que a nível de popularidade atingiu um grande impacto com a transmissão dos torneios na internet e tudo mais. Penso que hoje é mais fácil ser bom jogador de Xadrez dada a informação a que temos acesso em poucos segundos e ao mesmo tempo com as novas tecnologias poupa-se algum tempo no tratamento da mesma informação.

3. Qual foi o torneio que mais gostaste de participar? Qual foi o melhor resultado que conseguiste na tua carreira xadrezística?
R: O torneio que mais gostei de jogar foi o Mundial na Turquia pelas pessoas que faziam parte da comitiva e pelo ambiente que se vivia. Foi um torneio que me marcou dado que foi o primeiro a nível internacional em que participei. Também guardo todas as minhas vitórias em Campeonatos Nacionais de Jovens Sub-08 e Sub-10 (clássicas).

4. Quais são os seus hobbys para além do xadrez?
R:Para além de passar grande parte do meu dia no tablet, gosto de sair com os meus amigos, jogar playstation com o meu irmão e jogar à bola.

5. Continuas muito ativo nas provas nacionais. Quais são os seus planos a médio/longo prazo no xadrez?
R: Os meus planos são chegar aos 2200 no espaço de ano e meio com a ajuda do meu irmão, que sempre me tem apoiado ensinando-me e está sempre a motivar-me para melhorar. Para esta época é tentar conquistar o Campeonato Nacional de Jovens e na próxima ajudar o meu clube a alcançar bons resultados e cumprir os meus objectivos pessoais.

6. O xadrez é uma modalidade em que se assume várias funções. Em qual te vês mais ativo: jogador, treinador, dirigente?
R: Presentemente como jogador, não só pela minha idade, mas é no tabuleiro que me sinto mais confortável e jogar é o que gosto de fazer.

 

Queria agradecer a todas as pessoas que me têm ajudado a subir o meu nível bem como na participação de torneios. Uma palavra mais especial para o meu irmão Miguel Silva pela paciência e trabalho que tem tido ajudando-me com a nossa "rivalidade" positiva para ambos.

 

openportugal

 

PROVAS | Resultados

  • 2017/12/10 CirnC1718 - IV International Azores Chess Open Resultados
  • 2017/12/02 CirNSR1718 - 20º Torneio Aberto de Xadrez da Freguesia de Benfica Resultados
  • 2017/11/25 CirNSR1718- Xeques Tranquilos Resultados

Calendário 2016/2017 (Atualização 2017/10/16) Calendário

COMUNICADOS

Suspensão do Campeonato Nacional de Seleções Distritais Normal 0 21 false false false PT X-NONE X-NONE

Membro

fide-pb

ECU

fibda